Mídia paga no marketing digital: o que é e porque investir

Não perca mais tempo!
Contrate agora um parceiro de marketing que realmente pensa nos resultados e crescimento do seu negócio.

Mídia paga é uma maneira de fazer marketing digital em que os anunciantes pagam um custo por clique, e com isso conseguem impulsionar materiais e campanhas na internet.

Ela se mostra uma excelente maneira de aumentar as conversões, e mesmo assim, ainda existem muitos empreendedores e gestores que desconhecem a importância de trabalhar com essa estratégia.

Só que o mercado está cada vez mais competitivo e os consumidores têm muita facilidade para encontrar os produtos e serviços que procuram. Isso faz com que as marcas invistam cada vez mais em maneiras de se destacar.

O consumidor moderno pesquisa no Google tudo aquilo que deseja comprar, e por meio da mídia paga, fica mais fácil atrair clientes, gerar tráfego para a plataforma e aumentar a exposição da marca.

Para trazer bons resultados, ele precisa ser realizado do jeito certo, considerando as características da persona, o estágio do funil de vendas em que os leads sim encontram, dentre outros aspectos fundamentais que aceleram os resultados.

Neste artigo, veja o que é mídia paga, quais são os canais usados, quais são os formatos de mídia paga, por que as empresas devem investir, os benefícios que traz e como investir do jeito certo.

O que é mídia paga?

A internet é um ambiente democrático, por essa razão, empresas de todos os portes e segmentos podem investir em marketing digital para se destacar. Mas para vender, é necessário aparecer mais, e os anúncios pagos ajudam nesse sentido.

Antes da internet, a publicação era por meio de canais offline voltados para as massas, tais como:

  • TV;
  • Rádio;
  • Jornais;
  • Revistas;
  • Outdoors.

Eles ainda são usados pelas empresas, mas não são os únicos e tampouco os melhores quando se trata de marketing.

Por conta da internet, um consultório de psicopedagogia clínica tem acesso a muitas oportunidades para divulgar seus serviços, e uma das estratégias mais eficazes é a mídia paga.

Mídia paga nada mais é do que campanhas e anúncios pagos por clique e que ajudam a impulsionar a empresa e seus materiais, por meio dos canais digitais.

Os negócios podem alcançar as pessoas nas redes sociais, no Google e em outras plataformas, por meio de vídeos, textos, podcast, blog post, landing page, dentre outras possibilidades.

O formato do anúncio, o canal usado e para quem ele será exibido depende do objetivo da campanha e ele pode ser definido dentro das plataformas.

Principais canais de mídia paga

Quando uma marca quer criar uma campanha na internet, pode veicular seus anúncios em diferentes plataformas de mídia paga. Dentre eles estão:

Redes sociais

Hoje em dia, uma clínica especializada em exame ppp demissional pode contar com a maioria das redes sociais para divulgar seus anúncios.

A mais usada é o Facebook, que também possibilita criar anúncios em outros canais, como Instagram, Messenger, entre outros.

Redes de pesquisa

Os anúncios feitos na rede de pesquisa aproveitam as buscas feitas pelos usuários, em plataformas como Google e YouTube.

O Google Ads oferece diferentes opções de anúncios, sendo a mais usada a rede de pesquisa. O anunciante deve escolher uma palavra-chave para conduzir a campanha e cada vez que um usuário pesquisar o termo, vai encontrar o anúncio da marca.

Redes de display

As redes de display exibem os anúncios em sites e portais parceiros da plataforma escolhida pela empresa. As campanhas são elaboradas de acordo com os interesses e são mais visuais do que as outras opções.

A rede de display do Google funciona por meio de banners distribuídos entre sites parceiros e consegue impactar uma grande quantidade de usuários, podendo ser aplicada em outras plataformas.

Por que investir em mídia paga?

Todo tipo de negócio, como no caso de um centro veterinário 24 horas perto de mim, tem razões de sobra para investir em mídia. Uma delas é a possibilidade de gerar mais tráfego para o site ou blog.

O marketing de atração é uma estratégia que visa atrair e converter clientes de maneira voluntária, mas para que seja possível fazer isso, é necessário criar conteúdos e ofertas favoráveis à jornada de compra.

Para os negócios que acabaram de criar o site e institucional e ainda não possuem um bom tráfego, a mídia paga é uma forma de conseguir isso enquanto o alcance orgânico não chega.

A mídia paga permite alcançar resultados ainda mais rápidos, e durante a elaboração de uma campanha, é possível ter uma estimativa dos resultados em pouco tempo e até mesmo vender, assim que o anúncio é liberado.

As campanhas segmentadas exigem baixo investimento, mas mesmo assim conseguem direcionar o tráfego e ajudam os negócios a gerarem seus primeiros leads.

Para uma clínica especializada em cirurgia de catarata em cachorro, a mídia paga também é uma forma de identificar e segmentar o público.

Para que ela seja realmente direcionada, o negócio precisa conhecer bem sua persona. É assim que ele saberá quais palavras chave deve usar, a localização onde o anúncio será exibido, quais são as dores dessas pessoas, entre outras especificações.

Benefícios da mídia paga

A mídia paga traz muitos benefícios para os negócios, e um dos que mais se destaca é o fato de que seus resultados são muito rápidos.

Quando alguém pesquisa por um produto ou serviço, os buscadores posicionam o link entre os primeiros resultados para potencializar as chances de vendas.

Também se trata de um investimento flexível, isso significa que cada empresa pode investir o quanto puder e ir aumentando os valores, conforme os resultados vão melhorando.

É uma estratégia totalmente segmentada, que vai alcançar exatamente as pessoas que uma escola de curso de operador de talha e ponte rolante deseja alcançar.

A segmentação pode ser feita por meio da localização, informações demográficas, dentre outros aspectos do público.

Como investir do jeito certo

Para aproveitar todos os benefícios da mídia paga, é muito importante saber investir do jeito certo, e algumas dicas para isso são:

Organizar o site

Os anúncios serão direcionados para o site institucional do negócio, por isso, ele precisa estar devidamente organizado para garantir uma boa experiência aos visitantes que vão chegar.

Além disso, se a campanha diz que determinado produto está em promoção, quando o usuário clicar no link ou banner, precisa ser direcionado para a página de vendas desse produto,

Determinar um objetivo

Muitas pessoas simplesmente criam um anúncio na internet, sem nenhum tipo de objetivo em mente, por essa razão, não sabem o que pretendem alcançar e não chegam a lugar algum.

Definir o objetivo é fundamental para medir os resultados, além disso, é por meio dele que uma clínica de ultrassom veterinário com doppler vai definir os indicadores-chave de desempenho e as métricas que devem ser analisadas.

Também é com base no objetivo que a companhia vai definir quem é seu público e atrair a atenção das pessoas certas.

Determinar o público-alvo

Como falado anteriormente, depois de definir o objetivo da campanha, fica mais fácil determinar o público, ou seja, as pessoas que serão impactadas pela estratégia.

A organização deve considerar as características de sua persona, a maneira como se comporta, localização onde vive, lugares que frequenta, dentre outras informações do tipo.

Para uma clínica de estética especializada em drenagem linfática, é a melhor forma de entender a segmentação e qual plataforma deve ser usada.

Conhecer o público é primordial para entender a jornada de compra e criar anúncios favoráveis a ela.

Escolher a plataforma

Finalmente é o momento de escolher a plataforma e o formato do anúncio que será exibido para a audiência do negócio.

Existem muitas opções e o conteúdo pode ser vídeo, imagem, link nos resultados de pesquisa, entre outras possibilidades. Para escolher, basta saber quais são as preferências do público.

Criar os anúncios

Para criar seus anúncios, uma empresa especializada em limpeza de vidros pode usar imagens chamativas e que se encaixam em sua estratégia, conectando-se com o público.

É necessário se atentar a diferentes detalhes durante a criação em cada plataforma escolhida, pois só assim o gestor vai se certificar de que tudo vai funcionar de acordo com o planejado.

Considerações finais

Muito se fala sobre as estratégias de marketing orgânico, e de fato elas são muito importantes para que os negócios consigam construir credibilidade e uma presença sólida nos canais digitais.

Mas essas ações demoram muito mais tempo para fazer efeito e as empresas precisam conquistar resultados rapidamente para vender e conquistar clientes.

A mídia paga é uma excelente opção para isso e é usada, inclusive, por marcas que já se consolidaram no mercado. Com as dicas que demos aqui, seu negócio vai saber criar uma boa campanha e obter ótimos resultados.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Veja mais conteúdos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.